News
Loading...

Laura Pausini surpreende o Brasil com Simili Tour

Esbanjando simpatia, a cantora italiana Laura Pausini surpreendeu o público em apresentação realizada domingo (11) no Citibank Hall na capital paulista

Por Andréia Bueno

Crédito: Leticia Ribeiro

Em razão do rompimento de um cabo que transmitia as imagens para os telões de LED instalados no palco, a cantora italiana Laura Pausini se desculpou pelo atraso no início da apresentação, previsto para as 20h o show começou por volta das 21h, e enquanto os técnicos reprogramavam o telão, aproveitou para  interagir com a plateia e cantar à capela, canções que não fazem parte do setlist do show e realizar o sonho de uma fã que pediu para tocar piano com ela.

Declarando seu amor pelo Brasil, Laura elogiou a abertura das Olimpíadas, brincando inclusive de desfilar como Gisele Bundchen e comentou sobre um de seus artistas brasileiros preferidos: Vinicius de Moraes. Ao som de "Tristeza" a cantora reviveu a homenagem realizada no Festival de San Siro.

Problema sanado, it's show time! O show que foi dedicado a nossa querida e inesquecível Hebe Camargo provou porque Laura segue no topo da lista de divas da música pop mundial.

Com perfeição e ao som de Simili, que dá nome a turnê e a seu último álbum, Laura passeou por sucessos do novo CD como "Innamorata", "Lato Destro Del Cuore"," Nella Porta Accanto" e reviveu clássicos que consagraram sua carreira.

Celebrando 23 anos de carreira, Laura levou a plateia ao delírio ao som de " Ascolta il Tuo Cuore", "Non C'e","E ritorno da te", "Tra te e il mare", "Vivimi, "Strani Amore", "Un' Emergenza D'amore", entre outros tantos sucessos.


Um dos pontos altos da apresentação ocorreu quando Laura chamou uma fã da plateia para interpretar a canção que a tornou famosa há 23 anos: "La Solitudine".

Transparente e expondo seus sentimentos, a diva italiana emocionou o público ao cantar "Celeste" composta na época em que desejava ser mãe e mostrar o céu azul da Emilia-Romanha para seu filho/filha. Foi nesta época que a cantora descobriu que estava esperando Paola, fruto do seu relacionamento com o guitarrista e produtor musical Paolo Carta. A cantora seguiu com "È a lei che devo l'amore" composta especialmente para a filha de 3 anos, que pela primeira vez, acompanha os pais em uma turnê internacional.


Após 3 horas de apresentação, Laura encerrou a primeira apresentação em solo nacional. Com ingressos esgotados, a cantora segue com apresentações em São Paulo (12) e no Rio de Janeiro (14). 

O Brasil é o penúltimo país da América Latina por qual Laura passa. A turnê pela América termina com o show em Porto Rico (17). 
Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário