News
Loading...

Crítica: "Starboy" uma viagem nostálgica por dentro do novo álbum do The Weeknd

Por colaborador Erlanio Lima

Crédito: Divulgação

Nesta sexta-feira (25) o cantor The Weeknd finalmente lançou um dos álbuns mais aguardados do ano, o tão esperado "Starboy". A história por trás do novo trabalho não é qualquer uma, Abel Tesfaye traz uma homenagem a dois grandes mestres do cenário musical que infelizmente perdemos neste ano,  David Bowie e Prince.

O cantor revelou neste ano em entrevista ao Wall Street Journal que o álbum é 100% influenciado pelos dois ícones pop que nos deixaram recentemente, como por exemplo, o nome do álbum, numa clara referência ao "Starman" de David Bowie. Antes da morte de Prince, Abel estava prestes a trabalhar com ele no Paisley Park e por consequência veio também a incluí-lo como referência neste disco. Mas não para por aí, o cantor também traz homenagens e referências a outro grande astro pop, estamos falando de Michael Jackson, algumas faixas trazem claramente sua essência, então o álbum vem com muito pop retrô, R&B e house music.

O álbum conta com parcerias de Daft Punk, Lana Del Rey, Kendrick Lamar e Future, de início não pretendia fazer um faixa a faixa deste álbum, mas é um disco muito bom, e vocês PRECISAM ouvi-lo.

"Uma viagem ao passado, com essências e personalidades de David Bowie, Prince e Michael Jackson, confira uma crítica faixa a faixa dentro de um dos melhores álbuns do ano"

1 - Starboy
O disco abre com a faixa que foi criada em parceria com o duo "Daft Punk", uma faixa pop e dançante que traz um maravilhoso aquecimento do que nos aguarda no restante do disco.

 2 - Party Monster
A letra foi escrita por Abel e por Lana Del Rey e no final é possível ouvir os vocais de Lana, com bastante sintetizador e guitarras trazendo a essência R&B.

3 - False Alarm 
Essa faixa vem com um refrão bem chiclete "False alarm hey, hey" e um pop dançante retrô, daqueles de ficar pulando e balançando os pés como aquelas danças dos anos 80's.

4 - Reminder
É claramente The Weeknd, tem groove e traz uma sonoridade ótima de se ouvir, a letra fala sobre um prêmio que ele ganhou no Teen Choice com a sua música "Can't Feel My Face", que trata sobre cheirar cocaína e a canção parece tratar sobre como Abel não ficou contente com esse prêmio (irônico uma canção como essas, ganhar um troféu voltado a uma premiação infantil).

5 - Rockin
É uma música synthpop, dançante com pegada house music, uma das mais dançantes e também uma das melhores do álbum de tão viciante pela sonoridade, a letra fala sobre como curtir a vida sem muitas responsabilidades e  questiona porque alguém gostaria de ficar ao lado dele, sendo que eles podem apenas ser "rockin".

6 - Secrets
Uma faixa bem retrô e dançante, possui samples de "Pale Shelter" de Tears For Fears" e "Talking In Your Sleep" do Romantics.

7 - True Colors
É uma canção mais apaixonada e um R&B mais retrô, faixa perfeita para se ouvir com o crush na hora H, a letra fala sobre um relacionamento onde o passado de um está interferindo no funcionamento dessa relação.

8 - Stargirl Interlude featuring Lana Del Rey
Esta faixa conta com participação da cantora Lana Del Rey e o único defeito dela é ser uma interlude. Os dois já trabalharam juntos no álbum "Beauty Behind The Madness" na faixa Prisioner, então essa parceria nunca tem erro, fortes emoções para os nossos corações e com essa faixa não foi diferente.

9 - Sidewalks featuring Kendrick Lamar
Realizada em parceria com o rapper Kendrick Lamar, também traz uma pegada retrô, principalmente na introdução da faixa e na hora do rap de Kendrick faz você se apaixonar pela canção rapidamente.

10 - Six Feet Under
Essa faixa tem a cara do The Weeknd, um R&B maravilhoso para se ouvir e deliciar com os detalhes da canção e dos vocais, a letra fala sobre uma mulher que quer fazer dinheiro de qualquer forma, usando suas artimanhas e se puder faria dinheiro mesmo após sua morte.

11 - Love To Lay
No ritmo pop, dá uma animada quando chega no refrão, vem como quem não quer nada e do nada,  vê dançando.

12 - A Lonely Night
Mais uma faixa pop e com pegada retrô, tanto os vocais quanto a batida remetem a Michael Jackson.

13 - Attention
Muita mas muita atenção nessa faixa,que  eu que particularmente , como amante do ritmo  R&B estou simplesmente apaixonado por essa canção, ao meu ver é a melhor faixa do gênero no álbum, é excitante e cativante, a letra fala sobre uma mulher que está querendo sua atenção, porém alguma coisa fez os dois apenas se relacionarem casualmente sem compromisso.

14 - Ordinary Life
Uma faixa R&B menos "pesada" em relação à anterior e com um refrão repetitivo "This  ain't ordinary life".

15 - Nothing Without You
Outra faixa romântica e apaixonante do álbum, talvez uma clara menção ao seu ex relacionamento com Bella Hadid? A letra é bem profunda, sobre como ele reconhece o amor por essa mulher e admite que não é nada sem ela.

16 - All I Know featuring Future
É a parceria com o rapper Future, uma das colaborações que mais me agradou no álbum, a obscuridade da canção e o grave são apaixonantes e quando Future entra na canção...(suspiro), ainda estou me recuperando do tiroteio.

17 - Die For You
Abel quis trazer nas últimas músicas um momento "sofrência" e a canção não é muito diferente das anteriores, sombria e apaixonada, mas foi uma das faixas que menos me agradou neste álbum.

18 - Feel It Coming featuring Daft Punk
Outra parceria com Daft Punk. QUE FAIXA MARAVILHOSA. Pessoal, sério, reparem nessa pegada pop retrô, é claramente a faixa que tem a essência, personalidade e características do grandioso rei do pop Michael Jackson. Canção perfeita para se encerrar o álbum e sim, é a melhor faixa do álbum sem sombra de dúvidas, é dançante, nostálgica e com elementos maravilhosos, já está no repeat desde quando ouvi a primeira vez.

Considerações finais

A primeira impressão é de que este é um álbum diferente do que estamos acostumados , claro que nos álbuns anteriores Abel também traz pop e algo retrô, mas nesse álbum trouxe com mais vontade e clareza e abusou disso, só que o fez muito bem e com qualidade com composições incríveis faixas mais românticas do que seus trabalhos anteriores. De Bowie trouxe suas referências nas letras e mensagens, sobre Prince trouxe bastante  sonoridade, e encarnou Michael Jackson com a parceria do maravilhoso Daft Punk.

O único defeito do álbum é ser muito longo, são 18 faixas mas isso não retira a qualidade que o álbum traz. Muitos irão reclamar do excesso de sintetizador nas faixas, mas gente, convenhamos, o álbum é claramente uma homenagem ao pop retrô das décadas de 70 e 80's, então ele tinha que exagerar no sintetizador. Trago destaque para as faixas "Rockin", "True Colors", "Sidewalks", "Love To Lay", "Attetion", "All I Know" e "Feel It Coming" (REPETINDO: MELHOR FAIXA DO ÁLBUM).

Nota: 9.5
Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário