News
Loading...

As 10 melhores performances do Grammy Awards

Por Erlanio Lima

Nesta noite de domingo (12) ocorre o 59º Grammy Awards, a maior premiação do mundo da música internacional, junto com os indicados e vencedores de suas categorias que são escolhidos a dedo pela academia, ocorrem as tão aguardadas apresentações dos artistas.

Em aquecimento para a noite de hoje, que contará com apresentações de Beyoncé, Lady Gaga com a banda de rock Metallica, Katy Perry, entre outros, resolvemos selecionar as 10 melhores apresentações de todos os tempos, na premiação do Grammy. Confira:


10º - Whitney Houston - I Will Always Love You (1994)
Das 4 indicações, nesta noite a grandiosa Whitney levou 3 gramofones para casa nas categorias "Melhor Performance Feminina Pop" e "Gravação do Ano" por "I Will Always Love You", não sendo o bastante para a diva, também levou o prêmio mais importante da noite, o de "Melhor Álbum do Ano" com "The Bodyguard: Original Soundtrack Album". Além disso, a cantora fez uma apresentação emocionante de uma das canções que mais consagraram a sua carreira.


Reprodução / Internet


9º - Beyoncé e Tina Turner - Proud Mary (2008)
Na 50º edição do Grammy, Beyoncé inicia a performance sendo apresentada pela cantora Cher. Bey começa cantando um trecho da sua música "Irrepleceable", em seguida chama ao palco a gloriosa Tina Turner, que canta "What's Love Got To Do With It" e "Better Be Good To Me", para encerrarem com chave de ouro, fazem uma apresentação dançante com "Proud Mary" que faz o público cantar em coro e irem ao delírio junto com as divas.

      Reprodução / Internet



8º - Madonna - Living For Love (2015)
A rainha do pop em divulgação do seu último trabalho de estúdio "Rebel Heart", trouxe pro palco do Grammy, uma performance maravilhosa da música "Living For Love", que traz uma clara crítica às touradas. Neste ano, Madonna não estava concorrendo em nenhuma categoria, mas trouxe uma bela apresentação para a cerimônia.

Reprodução / Internet




7º - Mariah Carey - Vision Of Love (1991)
Dona da década de 90, Mariah realiza a sua primeira apresentação no Grammy Awards, onde teve 5 indicações e levou 2 gramofones, "Artista Revelação" e "Melhor Performance Pop Vocal Feminina" com a música "Vision Of Love". Para agraciar a noite, a cantora fez uma performance icônica de um dos seus maiores hits, a própria "Vision Of Love", que recentemente foi eleita pela Billboard uma das 100 melhores performances femininas na história ficando em 10º lugar.

Reprodução / Internet




6º - Lady Gaga & Elton John - Poker Face/Speechless/Your Song (2010)
Em sua primeira apresentação no Grammy, a cantora Lady Gaga trouxe uma performance memorável na história da premiação, além de trazer seus hits "Poker Face" e a balada "Speechless", a cantora dividiu o palco e o piano com o cantor e seu amigo Elton John, onde cantaram juntos Speechless e Your Song do Elton. Neste mesmo ano, Gaga ganhou dois prêmios, "Melhor Álbum Eletrônico/Dance" com o álbum "The Fame" e "Melhor Gravação Dance" com a música "Poker Face".

       Reprodução / Internet




5º -Michael Jackson - The Way You Make Me Feel/Man In The Mirror (1988)
Em uma performance icônica de 10 minutos no Grammy, o rei do pop trouxe muita dança e emoção com uma de suas baladas mais famosas de sua carreira "Man In The Mirror", naquele ano, Michael tinha sido indicado em duas categorias no Grammy, tanto pelo álbum e pela música "Bad", mas não levou nenhum prêmio para casa, mas em compensação deixou uma performance memorável no palco da cerimônia.

                      Reprodução / Internet



4º - Adele - Rolling In The Deep (2012)
A 54º edição do Grammy foi memorável para a cantora britânica, após ter realizado uma cirurgia nas cordas vocais, onde a cantora ficou afastada dos palcos para recuperação, ela voltou com tudo faturando 6 prêmios e ainda fez uma performance para mostrar que estava voltando com tudo. A cantora levou um gramofone nas categorias de "Álbum do Ano" e "Melhor Álbum de Pop Vocal" pelo disco "21". "Canção do Ano", "Gravação do Ano" e "Melhor Vídeo em Forma Curta-Metragem" por "Rolling In The Deep" e "Melhor Performance Pop Solo" por "Someone Like You: Live At The Royal Albert Hall".

  Reprodução / Internet


3º - Lady Gaga - Born This Way (2012)
Mesmo Gaga não tendo levado pra casa nenhum prêmio de suas indicações naquela noite, a cantora não deixou de fazer história no Grammy, desde o Red Carpet, onde veio carregada pelos seus bailarinos dentro de um ovo e, ao entrar no palco cantou uma das músicas que mais marcaram sua carreira, a famosa "Born This Way", canção que disparou direto em #1 lugar nos charts, por se tratar de um hino de aceitação a comunidade LGBTT. Gaga em sua melhor forma, cantou e dançou sem perder o fôlego, marcando assim mais uma vez na história do Grammy.

    Reprodução / Internet



2º - Jennifer Hudson - I Will Always Love You (2012)
A 54º edição do Grammy, foi marcada pela morte da cantora Whitney Houston, com isso a cantora Jennifer Hudson em tributo a cantora resolver lhe homenagear cantando a tão famosa "I Will Always Love You". Sua performance foi tão emocionante e impactante que marcou na história do Grammy, Jennifer conhecida por sua potência vocal, trouxe muita emoção e carinho ao homenagear a diva nessa edição.

                Reprodução/ Internet




1º - Daft Punk, Pharrel Willians, Nile Rodgers e Stevie Wonder - Get Lucky (2014)
Dois artistas da atualidade e duas lendas da música pop juntos foram os responsáveis pela melhor performance na história do Grammy Awards. Pharrel inicia a performance com "Get Lucky" da dupla Daft Punk, com Nile Rodgers na guitarra, quando o rei do funk Stevie Wonder assume os vocais e canta trechos das canções "Harder, Better, Faster, Stronger", "Lose Yourself To Dance" , "Le Freak", do Chic, "Another Star", do Stevie e "Around The World" do duo francês. As canções se intercalam num sensacional mash-up fazendo com que todo o público não fique parado, incluindo Katy Perry, Beyoncé, Jay-Z e outros diversos artistas. Neste mesmo ano, a dupla Daft Punk levaram o prêmio de "Melhor Álbum do Ano", "Single do Ano", "Melhor performance de Pop em Duo/Dupla", "Melhor Álbum de Dance/Eletrônico" e "Álbum com Melhor Engenharia de Som".

  Reprodução / Internet

 

Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário