News
Loading...

Os 10 álbuns que mereceram o Grammy de Melhor Álbum do Ano

Por colaborador: Erlanio Lima

O Grammy Awards ocorre anualmente desde 1959, centenas de artistas já levaram diversos prêmios em diversas categorias, mas a mais cobiçada por eles é o "Album Of The Year" (Melhor Álbum do Ano). Alguns artistas possuem mais de um gramofone nessa categoria, como Frank Sinatra, Stevie Wonder, U2 e Taylor Swift, mas selecionamos os 10 melhores álbuns na nossa visão que realmente mereceram o prêmio, confira!

Foto: Divulgação

10º - Frank Sinatra - Come Dance With Me! (1960)

O segundo álbum de estúdio do cantor americano Frank Sinatra, foi lançado em 1959. Representando a música contemporânea da Broadway, este álbum rendeu a Sinatra, 4 prêmios Grammy. Incluindo o de "Melhor Álbum do Ano", "Melhor Performance Vocal", "Artista Masculino" e "Melhor Gravação" pela música Billy May.

Foto: Divulgação

O álbum permaneceu por 140 semanas em 2º lugar nos charts, rendendo assim um disco de ouro para o artista.

9º - Barbra Streisand - The Barbra Streisand Album (1964)

O primeiro álbum da cantora americana Barbra Streisand, atingiu o 8º lugar no chart da Billboard e garantiu disco de ouro pelo RIAA. Além de ganhar o Grammy de "Melhor Cantora", o disco lhe rendeu o de "Melhor Álbum do Ano" na mesma premiação.

Foto: Divulgação

8º - The Beatles - Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band (1968)

Sgt. Pepper, é o oitavo álbum de estúdio da banda britânica. Lançado em 1967, tornou-se imediatamente um sucesso comercial e crítico, garantindo 27 semanas no topo das tabelas de álbuns do Reino Unido e 15 semanas na primeira posição nos Estados Unidos. Este álbum conquistou quatro prêmios Grammy em 1968, incluindo o de "Melhor Álbum do Ano" se tornando o primeiro LP de rock a ganhar nesta categoria.

Foto: Divulgação

7º - Taylor Swift - 1989 (2014)

O quinto álbum de estúdio da cantora estadunidense, foi lançado em 2014. O primeiro álbum pop da cantora em sua carreira, no qual os anteriores eram dominados pelo gênero country. Além de conquistar o Grammy de "Melhor Álbum do Ano", se tornando a primeira artista feminina a conquistar dois prêmios nessa categoria, o disco também lhe rendeu muitas críticas positivas, as revistas Billboard e Cosmopolitan o citaram como o melhor álbum do ano em 2014.

Foto: Divulgação

Em sua semana de estreia o álbum comercializou 1 milhão e 287 mil unidades, debutando no topo da Billboard 200, se tornando o disco mais vendido do ano nos Estados Unidos, dos sete singles divulgados, três estrearam em #1 na tabela da Billboard Hot 100, com "Shake It Off", "Blank Space" e "Bad Blood".

6º - George Michael - Faith (1989)

Este é o primeiro álbum solo do cantor pop britânico, George Michael, lançado em 1987. Sendo considerado por muitos como um dos maiores álbuns da música pop. Além de ganhar o Grammy, o disco vendeu 20 milhões de cópias em todo o mundo, também conquistou quatro singles em número #1 na Billboard Hot 100. Também conquistou o feito de ser o primeiro álbum de um branco a chegar ao topo dos charts de R&B, também se encontra na lista dos "200 álbuns definitivos no Rock And Roll Hall Of Fame"

Foto: Divulgação

5º - Fletwood Mac - Rumors (1978)

"Rumors" é o 11º álbum de estúdio da banda de rock-anglo americana. Lançado em 1977, o disco alcançou o topo das paradas da Billboard dos Estados Unidos e o UK Albuns do Reino Unido. Vencedor do prêmio Grammy na categoria "Melhor Álbum do Ano", o disco vendeu mais de 40 milhões de cópias no mundo todo, recebeu 19 discos de platina pela RIAA nos Estados Unidos e transformou Mac em astros mundiais do Rock.

Foto: Divulgação

O disco recebeu aclamação mundial da crítica por sua sonoridade e qualidade na produção, a banda passava por processos de separação na qual impactou em suas letras, sendo assim considerado o melhor disco na carreira deles.

4º - Michael Jackson - Thriller (1984)

"Thriller" é o sexto álbum de estúdio do Rei do Pop, lançado em 1982. Produzido por Quincy Jones e co-produzido pelo próprio Michael, é considerado o "maior e melhor álbum da história". Conquistou um recorde de oito Grammy Awards, incluindo o de Álbum do Ano, também foi bem sucedido comercialmente, alcançando o topo das paradas dos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e de outros sete países.

Foto: Divulgação

Com mais de 100 milhões de cópias vendidas em todo mundo, o disco foi classificado na 20º posição entre os "500 melhores álbuns de todos os tempos", publicado em 2003 pela revista Rolling Stones, ficou também na terceira posição em "200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall Of Fame".

3º - Carole King - Tapestry (1972)

"Tapestry" é um álbum pop da cantora e compositora Carole King, lançado em 1971. O álbum atingiu o topo da Billboard por 15 semanas consecutivas, se tornando o álbum por uma mulher que mais tempo ficou nessa posição. O álbum ganhou quatro prêmios Grammy, "Melhor Álbum do Ano", "Melhor Performance Pop Vocal Feminina", "Gravação do Ano" (It's Too Late) e "Canção do Ano" (You've Got a Friend). O álbum também está classificado nos "200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall Of Fame".

Foto: Divulgação

King escreveu ou co-escreveu todas as canções do álbum, com uma produção mínima de Lou Adler. O álbum vendeu mais de 25 milhões de cópias e rendeu disco de diamante pela RIAA.

2º - Adele - 21 (2012)

"21" é o segundo álbum da inglesa Adele, lançado em 2011, o disco possui uma sonoridade pop, soul e R&B. Liricamente, as faixas remetem ao término de uma relação, autoexame e o perdão. O disco venceu as seis categorias que foi indicado no Grammy Awards, incluindo o de "Melhor Álbum do Ano". O disco ficou no topo das paradas de mais de 30 países e conquistou um lugar no "Guiness World Records" em 2012. Liderou a tabela do "UK Albuns Charts" durante 23 semanas, se tornando o disco mais vendido do Reino Unido até então. Conquistou um disco de diamante pela RIAA, vendeu mais de 30 milhões de cópias no mundo e se tornou um dos discos mais vendidos do século XXI e consequentemente da década de 2010.

Foto: Divulgação

1º - Alanis Morissette - Jagged Little Pill (1996)

"Jagged Little Pill" é o terceiro álbum de estúdio da cantora e compositora canadense Alanis Morissette. Lançado em 1995, este álbum marca uma nova fase da cantora, que fica conhecida por seus vocais e letras que são confissões emocionais. O álbum também se encontra na lista dos "200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall Of Fame". É considerado um dos 10 melhores álbuns da década de 90 e o melhor álbum de Rock Alternativo lançado por uma mulher no século passado. Se tornou o álbum internacional mais vendido no Brasil, com 550 mil cópias. Assim que lançado, Alanis se tornou uma das mulheres mais influentes da música.

Foto: Divulgação

Canções como "You Oughta Know", "You Learn", "Ironic", "Head Over Feet" e "Hand In My Pocket" são conhecidas até hoje. De acordo com a RIAA, é o álbum de estreia mais bem vendido por uma mulher com 16,2 milhões de cópias apenas nos Estados Unidos. Seus álbuns anteriores no gênero "dance-pop" foram desconsiderados pela mídia e o Jagged Little Pill foi considerado o primeiro de sua carreira.

O álbum recebeu seis indicações no Grammy de 1996 e levou 4 prêmios, incluindo o de "Melhor Álbum do Ano", "Melhor Canção Rock", "Melhor performance de Rock Vocal Feminina" e "Melhor Álbum de Rock".
Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário