News
Loading...

Auditório Ibirapuera recebe a inédita A Missão em Fragmentos

Com direção de Eugenio Lima e 15 performers negros em cena, espetáculo compõe um dos eixos propostos pela MITsp: o protagonismo negro/autodeterminação

Foto: Divulgação

Integrando a programação da quarta edição da MITsp - Mostra Internacional de Teatro de São Paulo, a inédita A Missão em Fragmentos: 12 Cenas de Descolonização em Legítima Defesa é um dos três espetáculos brasileiros contemplados pela MITsp e compõe um dos eixos propostos pela mostra: o protagonismo negro/autodeterminação, que pretende, a partir dessa e de outras obras, rever processos sociais históricos de exclusão e de racismo e seus reflexos na construção da “persona negra” no âmbito das linguagens artísticas. O trabalho assinado pelo diretor Eugenio Lima conta com 15 performers negros em cena - atores, atrizes, músicos, djs, diretor e mais outros autores da diáspora negra, com dramaturgia de Claudia Schapira - e é inspirado em A Missão: Lembrança de uma Revolução, de Heiner Müller.

Na montagem, três emissários da Convenção Francesa viajam no inverno de 1798/99 para a colônia inglesa, a Jamaica, para ali organizarem uma revolta dos escravos: Debuisson, filho de Senhor de Escravos; Galloudec, um quase-branco, o intérprete; e Sasportas, um negro. Assim que estabeleceram as primeiras conexões, foram alcançados pela notícia de que Napoleão havia tomado o poder no dia 9 de novembro de 1799. Debuisson interrompe os preparativos. Acreditava estar agora sem o apoio do novo regime, trai seus companheiros de viagem entregando-os à coroa Britânica. O grupo Legítima Defesa decidiu enveredar pelo texto A Missão – lembranças de uma revolução, de Heiner Müller, assumindo a premissa de que não trair o autor seria o mesmo que negá-lo. Quinze performers negrxs em cena: Outras visões, uma narrativa outra. Pois enquanto existirem senhores e escravos não estamos dispensados da nossa missão.

SERVIÇO:

A MISSÃO EM FRAGMENTOS: 12 CENAS DE DESCOLONIZAÇÃO EM LEGÍTIMA DEFESA - IV MITsp - Mostra Internacional de Teatro de São Paulo

17 (sexta) e 18 de março de 2017 (sábado) I 21h00

19 de março de 2017 I 19h00 (com realização do debate Diálogos Transversais após o espetáculo)

Em todos os dias a apresentação contará com interpretação na Língua Brasileira de Sinais (Libras).

R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada)

Duração aproximada: 120 minutos

Classificação indicativa: 16 anos


Tel: 3629-1075 ou info@auditorioibirapuera.com.br
Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário