News
Loading...

Resenha: Velozes e Furiosos 8

Por colaborador Jurandir Vicari

Dia 13 de abril  acontece a estreia de mais um filme da série Velozes e Furiosos ! Juro que é verdade. Velozes e Furiosos 8 ? Nossa ! Já estava na hora de terminar? NÃO !!! Não está. Eu não sou fã da franquia, mas o oitavo longa, me surpreendeu. Muito bom !

Reprodução / Internet

Um filme com tantos personagens nem sempre consegue explorar, todas as personalidades, e geralmente perde terreno para as cenas de ação. No entanto, o roteiro de Chris Morgan e o trabalho de cada ator definem as diferenças entre cada membro da equipe e como interagem um com o outro, sobrando espaço para comédia, drama e romance. E o que já era grande pode ficar maior, ou seria melhor ? Charlize Theron, surgiu para colocar mais combustível nesse possante! A atriz está belíssima e é uma vilã que adoramos odiar, no papel da ciberterrorista Cipher, esbanja sensualidade e competência.

Outro ponto positivo é a direção de F. Gary Gray. Ele soube não "glamourizar" os personagens que vivem no limite entre ser “mocinhos” e “bandidos”, deixando todos com os pés no chão. 

Reprodução / Internet

Finalmente um filme de Ação, com AÇÃO, que é o que interessa, claro que em certos momentos, existe uma "forçação de barra", mas quem é fã da saga, já está acostumado e não há nada que ofenda a inteligência. E claro, não faltam CARROS ! Carro pequeno, grande, colorido, etc... E explosão, todo mundo vai a loucura !

Para quem curte a franquia, não vai se decepcionar, e vai se sentir em casa, com várias referências, e todos os clichês dos anteriores e não estou dizendo isso de forma pejorativa. Agora para quem começou agora, vai entender tudo e vibrar com a velocidade dos acontecimentos. E se sentir parte da FAMÍLIA ! (piada interna, precisa ver o filme para entender).
Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário