News
Loading...

Mostra de Filmes - A Vida em Israel no Centro Cultural FIESP

Por colaboradora Débora Blair


O Centro Cultural FIESP Ruth Cardoso está exibindo gratuitamente aos sábados uma série de filmes produzidos em Israel. Os gêneros dos longas são dos mais variados possíveis e estão sendo projetados no Auditório do Centro com retirada de ingressos 1h antes da sessão.

Reprodução / Internet

Ao contrário do que o público possa esperar da mostra, seu propósito não é retratar os conflitos envolvendo Israel e outros países do Oriente Médio, mas sim exibir o cotidiano do seu povo, seus hábitos, costumes e cultura de uma forma geral. Os premiados filmes possuem legenda em português. 

Confira abaixo a programação completa até 24/06:


· 27/05, 15h: Aviva, meu amor – Duração: 107 min

Filme vencedor do prêmio de melhor atriz no Festival de Jerusalém para Assi Levy, a produção de 2007 conta a história de Aviva, uma mulher imersa em problemas familiares: três filhos apáticos, um marido desempregado, uma irmã ambiciosa e uma mãe à beira da demência. Em vez de se entregar ao fardo de sua história, ela transforma seus dramas em contos e busca ajuda para publicá-los.

· 03/06, 15h: Dias Congelados – Duração: 90 min

Produzido em 2007, o drama foi o vencedor do prêmio de melhor filme israelense no Festival de Haifa. Uma jovem misteriosa, aparentemente sem origem e se destino, aventura-se dia após dia na vida noturna de TelAviv, até que, após um atentado terrorista, passa a morar no apartamento de uma vítima hospitalizada e começa a viver a vida dessa pessoa. A experiência intensifica sua crise existencial e traz muito suspense à história.

· 10/06, 15h: As Medusas – Duração: 78 min

O longa vencedor do prêmio Camera d’Or no Festival de Cannes envolve o público com a incrível história de três mulheres aleatórias cujos destinos se cruzam inesperadamente: uma garçonete de festas de casamentos que acolhe uma criança misteriosa em sua vida, uma noiva que tem sua lua de mel arruinada em sua própria cerimônia de casamento após um acidente acontecido na festa, e uma empregada doméstica filipina que não fala a língua local.

· 17/06, 15h: Delicada Relação – Duração: 65 min

A atuação de Ohad Knoller lhe rendeu o prêmio de melhor ator no Festival de Tribeca. O filme de 2002 conta a história de um comandante de um posto avançado do exército israelense que se apaixona pelo próprio subordinado. A alta patente do comandante os impede de declararem o romance abertamente.

· 24/06, 15h: A Missão do Gerente de Recursos Humanos – Duração: 103 min

No longa, o gerente de Recursos Humanos da maior empresa panificadora israelense vive um momento de intensa crise em sua vida: recém-separado da esposa, sem acesso à própria filha e odiando o próprio trabalho. Uma de suas funcionárias morre em um atentado terrorista e sua insensibilidade torna-se evidente no seu descaso com a situação. Na tentativa de reparar essa má reputação, ele embarca em uma jornada na qual envolve-se emocionalmente com a história da vítima e, pouco a pouco, torna-se mais humanizado. Filme Vencedor do prêmio do público no Festival Internacional de Locarno.



Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário