News
Loading...

Crush toma atitude em cena de Bye Bye Jaqueline, que chega aos cinemas dia 28

Comédia romântica promete ser uma boa pedida para o público adolescente nas férias

Por Andréia Bueno

“Você poderia ser meio burra também, para gente combinar”, diz Fernando, vivido pelo ator Victor Carlim, ao se aproximar pela primeira vez de Jaqueline, personagem de Poliana Oliveira. Na cena do filme “Bye Bye Jaqueline”, que chega aos cinemas em 28 de dezembro, Fernando toma coragem e vai se juntar a Jaqueline, que dança de olhos fechados. Totalmente sem graça por não ter ritmo, ele acaba assumindo ser meio burro por não ter se aproximado dela antes. A conversa do casal, acontece no final de uma festa e tem o desdobramento que a protagonista tanto sonhou. 

Foto: Divulgação

Primeiro longa-metragem de Anderson Simão, da produtora curitibana O Quadro, a comédia romântica tem distribuição da Lança Filmes. Na trama a atriz Poliana Oliveira dá vida à Jaqueline que, entre aulas, treinos de vôlei e tarefas domésticas, se interessa por Fernando (Victor Carlim), sobre quem projeta seus sonhos românticos. Novata na escola, conta com a experiência de Amanda (Gabrielle Pizzato Santana), a melhor amiga descolada, que empresta uma boa dose de humor à trama. Marchesi (Leonardo Vieira) completa o quarteto adolescente. Ele também se apaixona por Jaqueline e por vezes acaba atrapalhando a vida do casal.

Com estreia marcada para as férias escolares, “Bye Bye Jaqueline” retrata com fidelidade a atual geração adolescente, muito mais tranquila e cabeça aberta ao lidar com as tradicionais questões da idade do que as anteriores. A primeira relação sexual, a amizade, a pressão da escola ou as diferenças sociais são temas com os quais os jovens do longa vão lidar, tendo ao fundo as belas ruas de Curitiba e uma trilha sonora representativa da cena roqueira da cidade.

Para os pais que forem ao cinema, o filme traz uma boa dose de nostalgia. Com exceção dos celulares, tudo, enfim, continua igual, levando o espectador a lembrar de sua própria época de escola. Como diz Fernando para Jaqueline: “Gosto de colecionar boas lembranças”. “Bye, Bye Jaqueline” desperta o gosto de uma boa recordação.

Aperte o play e confira o que vem por aí!



Share on Google Plus

0 comentários :

Postar um comentário